Regulação em opções binárias, o que é?

Para evitar qualquer tipo de fraude em opções binárias deveríamos trabalhar com um broker que está autorizado e registrado no país que oferece serviços financeiros. Se esta empresa de serviços financeiros “broker de opções binárias” não está registrada, não tem autorização para prestar serviços financeiros.

Agora que sabemos que o broker está registrado e autorizado, o broker pode pedir regulação no país em que estiver registrado.

Para pedir regulação em opções binárias ou outros serviços financeiros, o broker deve vencer duras provas feitas pelos organismos locais que têm a missão de prevenir atividades fraudulentas, um excessivo risco nos mercados financeiros e uma correta organização entre o investidor e o mercado financeiro.

Quando o broker de opções binárias está regulado, todas as opções realizadas cumprem as diretrizes estabelecidas pelos organismo locais que estão toda hora controlando com auditorias cem por cento confiáveis para evitar qualquier tipo de fraudes dos brokers de opções binárias ao investidor.

Se em algum momento o broker regulado recebe queixas dos investidores, o organismo regulador faz a investigação pertinente e tomará as ações legais no caso de considerar que o broker se beneficiou de forma injusta do cliente praticando qualquer tipo de fraude.

Em alguns casos falando de brokers maiores que as opções binárias, chegaram a ser multados com vários milhões de dólares por se beneficiar de forma ilícita dos seus clientes. Para finalizar sempre é recomendável começar a operar com um broker que esteja regulado, assim temos menos possibilidades de enfrentar problemas com os brokers.

Se temos alguma queixa ou acreditamos que fomos enganados podemos enviar uma queixa formal ao organismo regulador que controla esse broker, se você tem alguma dúvida sobre isso pode entrar em contato comigo e tentarei te ajudar se for possível. A regulação em opções binárias é algo muito sério, então vamos denunciar.

Regulação em Portugal  Comissâo do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM)

 
 

Write A Comment